Segurança Hídrica

O conceito de segurança hídrica para a ONU é “assegurar o acesso sustentável à água de qualidade, em quantidade adequada à manutenção dos meios de vida, do bem-estar humano e do desenvolvimento socioeconômico; garantir proteção contra a poluição hídrica e desastres relacionados à água; preservar os ecossistemas em um clima de paz e estabilidade política”.

O governo do Estado do Rio de Janeiro através da SEAS e do Inea, vem se empenhando na busca por soluções que levem à redução dos riscos associados a eventos críticos (secas e cheias), assim como a proteção dos ecossistemas das águas.

A segurança de barragens se apresenta como uma das vertentes de segurança hídrica, no tocante a gestão dos riscos associados à água. Cabe ao Instituto Estadual do Ambiente (Inea) fiscalizar a segurança das barragens de usos múltiplos e de resíduos industriais nos corpos hídricos de domínio do Estado do Rio de Janeiro.