Notícias |05.09.2020

Sede da Secretaria de Estado do Ambiente e Sustentabilidade e do Instituto Estadual do Ambiente recebe segunda sanitização em menos de um mês

Neste sábado (5/9), as dependências do Instituto Estadual do Ambiente (Inea) onde funcionam as Diretorias de Recuperação Ambiental (Diram), e de Biodiversidade, Áreas Protegidas e Ecossistemas (Dibape), no Centro do Rio de Janeiro, receberam serviço especializado de sanitização. No domingo (6/9), será a vez da sede do instituto e da Secretaria de Estado do Ambiente e Sustentabilidade, localizada na Avenida Venezuela, região central da cidade. A atividade é um complemento às ações de prevenção à Covid-19 no retorno dos servidores para o trabalho presencial.

O objetivo é eliminar quaisquer vírus, bactérias, germes e fungos de superfícies que não possam ser removidos com limpeza comum. A desinfecção é executada por detentos gerenciados pela Fundação Santa Cabrini, que promove a gestão de mão de obra prisional no Estado do Rio de Janeiro.

A técnica e princípio ativo são os mesmos utilizados pelo governo chinês em ruas daquele país como forma de combate ao novo coronavírus. O produto age como uma película que mata os micro-organismos do local (vírus, bactérias, fungos e ácaros) e mantém a superfície desinfetada por até 30 dias, dependendo da ação externa e circulação de pessoas.

Em destaque